Sobre o procedimento

A hipófise, também conhecida como glândula pituitária, está localizada na base do crânio, logo abaixo do cérebro, em uma região protegida pela sela túrcica. Apesar de pequena (cerca de um centímetro de largura), a hipófise é parte importante do sistema endócrino, produzindo uma série de hormônios responsáveis por funções vitais do corpo humano. Além de atuar diretamente na regulação do hormônio do crescimento, ela também é responsável por enviar sinais à tireoide, ovários, testículos e glândulas suprarrenais, tendo um importante papel na produção de testosterona, estrogênio, cortisol, entre outros hormônios.

Tumores na hipófise, chamados de adenomas hipofisários, são, em grande maioria dos casos, benignos. Esses adenomas ocorrem quando há um crescimento anormal dos tecidos celulares da glândula. Mesmo que muito pequenos, podem originar uma série de transtornos para a saúde do paciente.

Os adenomas hipofisários são responsáveis por uma série de deficiências e alterações hormonais graves que desencadeiam doenças e distúrbios como a doença de Cushing, gigantismo, acromegalia e também problemas neurológicos, principalmente ligados à visão, já que os tumores podem comprimir os nervos ópticos levando à perda progressiva do campo visual ou mesmo à cegueira.

Os principais sintomas de um adenoma hipofisário são:

● Perda gradual da visão, principalmente no campo visual lateral
● Dores constantes nas regiões laterais e frontais da cabeça
● Sonolência
● Quedas de pressão e de níveis glicêmicos
● Perda da vitalidade
● Alterações metabólicas
● Hipertensão
● Diabetes.

Em casos mais graves, porém raros, o adenoma pode causar a apoplexia hipofisária, um sangramento intratumoral causador da perda súbita da visão. Esse diagnóstico deve ser tratado com cirurgia de urgência.

Tratando adenomas hipofisários

O tratamento dos tumores da hipófise é prioritariamente cirúrgico. Graças às mais recentes modernizações da técnica, o procedimento não precisa mais ser feito atrás de grandes incisões sublabiais ou mesmo na mucosa nasal.

No Hospital Moriah, o procedimento é realizado por meio de cirurgia endoscópica transnasal, preservando o septo e a fisiologia da região de acesso à hipófise. Esse avanço foi fundamental para garantir um pós-operatório muito mais confortável aos pacientes, pois permite que a cirurgia seja realizada através de incisões muito pequenas, proporcionando uma drástica redução de danos aos tecidos intracranianos e possíveis complicações, além de não provocar comprometimentos estéticos, como cicatrizes.

No Centro de Excelência em Hipófise no Moriah, o paciente conta com toda infraestrutura necessária, e também com a atuação de uma equipe multidisciplinar altamente qualificada e integrada.

Equipe médica

Dr. Pedro Paulo Mariani (CRM 84339)

  • Graduado em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (1995) com Especialização em Neurocirurgia pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2002).
  • Desde então, atua como médico colaborador do Grupo de Cirurgia de Base de Crânio do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e como Coordenador do Centro de Excelência em Hipófise do Hospital Moriah.

 

 

 

O Centro de Excelência em Hipófise do Hospital Moriah é coordenado pelo Doutor Pedro Paulo Mariani (neurologista – CRM 84339). Graduado em medicina pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo) em 1995, cumpriu sua residência médica em neurocirurgia no HCFMUSP (Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), entre 1997 e 2002, supervisionado e orientado por grandes especialistas da área.

Desde a conclusão da residência dedicou-se à sua especialidade, iniciando, já em 2002, suas atividades como assistente do Grupo de Cirurgia de Base de Crânio da Disciplina de Neurocirurgia do HCFMUSP, onde permaneceu até 2009. Neste mesmo ano, após concurso público, passou a atuar também no Serviço de Cirurgia Hipofisária do Hospital Estadual Brigadeiro, como assistente.

Seu interesse por traumatologia também o levou a integrar o Grupo de Resgate e Atendimento às Urgências do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo, entre 2003 e 2007. Durante os anos de 2003 e 2007, também fez parte da equipe médica do Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1.

Em sua trajetória profissional, participou diretamente da criação da Divisão de Cirurgia Hipofisária e Cirurgia de Base de Base de Crânio do antigo Hospital Brigadeiro (atualmente, Hospital Estadual Euryclides de Jesus Zerbini). Foi um dos responsáveis pela introdução da técnica endoscópica transnasal para as cirurgias de tratamento de adenomas hipofisários, além de cirurgias transcranianas para a ressecção de outros tumores da base do crânio.

Também é cofundador e um dos idealizadores do Núcleo de Hipófise do Hospital Sírio Libanês, onde, desde 2014, equipes científicas multidisciplinares se reúnem para acompanhar os avanços sobre técnicas e tratamentos para tumores da hipófise e base do crânio.

Em sua carreira, realizou mais de 450 cirurgias de tratamento de adenomas hipofisários e tumores de base de crânio. Todos os anos, o Doutor Pedro Paulo Mariani participa de especializações teóricas e práticas no exterior, buscando seu aperfeiçoamento constante nas mais modernas técnicas de cirurgias de base de crânio.

Sua grande experiência e conhecimento sobre o tratamento da hipófise e técnicas endoscópicas levaram o especialista a importantes congressos nacionais e internacionais, e de abordagens multidisciplinares, como por exemplo, o Endoscopic Endonasal Surgery for Giant Non-Functional Pituitary Adenomas – 7th World Congress for Endoscopic Surgery of the Skull Base and Brain. Chicago, EUA – 2016.

 

Centro médico cirúrgico

O Hospital Moriah conta com um dos mais novos e atualizados centros médico-cirúrgicos de alta complexidade do país. E foi exatamente a junção da tecnologia médica de ponta e dos profissionais mais qualificados da área que possibilitou a criação do primeiro Núcleo de Referência e Excelência em Hipófise do Brasil.

Além de prestar um atendimento humanizado, graças a uma equipe multidisciplinar e altamente especializada, o Núcleo de Referência e Excelência em Hipófise foi concebido com uma infraestrutura especializada, voltada ao que há de mais moderno para o diagnóstico e tratamento dos diferentes tipos de tumores da hipófise.

Para isso, os exames de imagem são realizados com os mais avançados recursos tecnológicos da atualidade. Um exemplo está no moderno tomógrafo computadorizado de 180 canais, capaz de detectar, com altíssima resolução, tumores e adenomas de todos os tamanhos. Os pacientes também podem contar com a mesma qualidade e precisão para a realização de exames de ressonância magnética 3 Tesla, eficaz na identificação detalhada de tumores ainda em fase inicial de desenvolvimento. O diagnóstico apurado é possível graças a sua tecnologia 3D, que resulta imagens detalhadas da anatomia humana.

O centro médico-cirúrgico do Hospital Moriah está equipado com o aparato tecnológico de ponta para a realização dos procedimentos necessários para o tratamento dos tumores da hipófise. A equipe médica tem à sua disposição instrumentos específicos, como aspiradores ultrassônicos e um dos mais modernos neuronavegadores da atualidade. Esses aparelhos proporcionam altíssima precisão cirúrgica mesmo nas regiões mais sensíveis e delicadas da base do crânio e do cérebro.

A soma dos conhecimentos do corpo médico e da equipe de especialistas aliada às mais avançadas tecnologias do campo cirúrgico internacional permite que os pacientes do Núcleo de Referência e Excelência em Hipófise recebam um tratamento seguro, eficaz, humanizado e assertivo. A técnica endoscópica transnasal permite não só uma cirurgia extremamente precisa como também proporciona uma recuperação mais rápida e tranquila após o procedimento.

Toda a estrutura física e humana do Hospital Moriah foi construída para oferecer o que há de melhor e mais inovador no tratamento da saúde e na promoção do bem-estar de seus pacientes, mesmo nos casos médicos mais complexos.

Estrutura

Unidade de Internação

Os pacientes contam com uma equipe de enfermagem altamente qualificada para orientá-los e apoiá-los durante o processo assistencial. O período de internação também é acompanhado pela equipe da Hospitalidade, capacitada para atender as mais diferentes necessidades de pacientes e familiares.

UTI

Na Unidade de Terapia Intensiva, o médico têm à disposição as equipes médica, de enfermagem e fisioterapia altamente qualificadas para apoiá-lo no processo assistencial dos pacientes.
Considerando a importância da família no processo de saúde, a UTI não estabelece restrição ao horário de visitas de acompanhantes e familiares e está localizada numa área estratégica do edifício, onde recebe uma incidência privilegiada de luz natural, característica que humaniza o ambiente. A área conta com monitorização multiparâmetros e ventilação mecânica, todas de última geração, e foi projetada para garantir a qualidade dos cuidados intensivos.

Centro de Diagnósticos

O Centro de Diagnósticos dispõe de recursos diagnósticos de alta tecnologia e um dos diferenciais deste serviço é o acolhimento proporcionado ao paciente. Às equipes médicas é concedida a possibilidade de contato com nossa equipe de radiologia que pode antecipar demandas bem como contextualizar e discutir solicitações e hipóteses diagnósticas.

Hemodinâmica

A hemodinâmica do Hospital Moriah está inserida no conceito de sala híbrida porque viabiliza a realização de procedimentos minimamente invasivos e a campo aberto no mesmo espaço físico.Essa flexibilidade, aliada a equipamentos de sistema de navegação ultramoderno e ao arco cirúrgico, permite realizar cirurgias de alta complexidade, com precisão máxima e segurança para o paciente.

Centro Cirúrgico

O Centro Cirúrgico está estruturado para receber cirurgias de alta complexidade nos padrões internacionais de segurança. As salas operatórias são equipadas com o que há de mais moderno em tecnologia para intervenções cirúrgicas e procedimentos minimamente invasivos.
A cirurgia robótica também já é realidade no Moriah. Nosso centro cirúrgico é o primeiro da América Latina a receber o robô Da Vinci Xi, o mais moderno da atualidade.
Além disso, todo o processo cirúrgico é assistido pela equipe de enfermagem que avalia as demandas de cada equipe cirúrgica e realiza interface com os médicos e seus respectivos instrumentadores e os serviços de apoio para individualizar o processo assistencial de cada equipe.
Os pacientes são diretamente beneficiados com o zelo pelos cuidados humanizados e com a integração das equipes diretamente envolvidas com o processo cirúrgico que aliam os princípios de qualidade e segurança.

Hospital Moriah excelência em valores humanistas

O Hospital Moriah é um dos mais novos e modernos centros médico-cirúrgicos de alta complexidade do Brasil e surge com a proposta de inovar a atenção à saúde neste segmento.

Estrutura

O Hospital Moriah é um dos mais novos e modernos centros médico-cirúrgicos de alta complexidade do Brasil e surge com a proposta de inovar a atenção à saúde neste segmento.

Consultórios

O Hospital Moriah conta profissionais qualificados e comprometidos com uma assistência ética e humana. Todos os médicos são credenciados nas especialidades atendidas.

Convênios

O Hospital Moriah conta com o atendimento a um amplo conjunto de operadoras de saúde.

Política de Atendimento

Também conhecida como o Jeito Moriah de Atender, está fundamentada na junção de três aspectos fundamentais para a saúde.

Responsabilidade Social

A missão, a visão e os valores fundamentais do hospital propõem uma participação na sociedade seguindo os princípios da transparência, ética e na sustentabilidade, buscando o equilíbrio.

Comitê de Ética em Pesquisa

Organismo competente para realizar avaliação ética de todos os protocolos de pesquisa do HM que envolvam seres humanos, respaldado pela Legislação sobre ética em pesquisa vigente.

Hospital Moriah

Avenida Moaci 974 - Moema 04083 002 - São Paulo SP

Email

contato@hospitalmoriah.com.br

Telefone

55 11 5080 7800

Redes Sociais